27 abril 2017

Fiat 124 Spider conquista o coração de França

 

  • Uma viagem de Paris a Deauville ao longo das margens do Sena, a bordo de um ícone intemporal: o Fiat 124 Spider.
  • Duas séries especiais, dois níveis de equipamento, uma motorização e dois tipos de transmissão: automática e manual, ambas de seis velocidades.
  • A nova edição limitada Fiat 124 Spider Europa assume a liderança.

 

Do coração da "cidade luz" até à pequena pérola da Côte Fleurie. Ambos os locais estão ligados pelo "Caminho dos Impressionistas", assim denominado por atravessar alguns dos locais que inspiraram as obras de Van Gogh, Renoir, Pissarro e Monet. Este foi também o caminho percorrido por um grupo de viaturas Fiat 124 Spider, numa tentativa de apreciar o prazer de conduzir "a céu aberto" ao longo de cenários encantadores e localidades admiráveis.
A expedição contou com a participação de nada menos que 15 unidades do modelo. Estes Spiders foram comercializados em 2016 e lançaram a marca Fiat no segmento dos veículos descapotáveis de tracção traseira. Este grupo, embora pequeno, é um exemplo representativo da gama que, dependendo do mercado, oferece: dois níveis de equipamento (124 Spider e Lusso), duas séries especiais que celebram o grande passado do 124 (America e Europa), um motor (1.4 turbo MultiAir 140 cv) e dois tipos de transmissão (automática e manual, ambas de 6 velocidades).
O exemplar que mais chamou a atenção do público ao longo do percurso francês foi o mais recente membro da família, o Fiat 124 Spider Europa. Apresentado no último Salão do Automóvel de Genebra, o 124 Spider Europa é uma edição limitada especial equipada com uma série de conteúdos projectada para celebrar a versão com o mesmo nome apresentada há 36 anos por Pininfarina, exactamente no Salão de Genebra.

 

Do centro de Paris até La Roche-Guyon, uma das mais belas cidades de França

Observado pelos olhares curiosos dos transeuntes, o desfile dos Fiat 124 Spider partiu da Motor Village de Rond-Point des Champs Elysées, elegante ponto de vendas das marcas da FCA localizado no coração da capital francesa e centro de exposições e de eventos culturais destinados a promover o gosto italiano sob todas as suas formas. A mesma elegância transmitida pelo Fiat Spider, caracterizado pela beleza clássica de proporções perfeitas, pelo baixo centro de gravidade, pelo habitáculo recuado e pelo capô longo, tal como um genuíno automóvel desportivo.
Depois de sair da metrópole francesa, desembaraçando-se agilmente do trânsito urbano, os Fiat 124 Spider dirigiram-se para La Roche-Guyon, uma das mais belas localidades francesas e sede de um castelo medieval - actualmente exclusivo resort - que domina este pequeno oásis, nas proximidades da reserva natural de Coteaux. Aqui, história e natureza andaram de mãos dadas durante séculos, oferecendo o cenário perfeito para um automóvel cujo design presta tributo ao passado, mas projectando-se em direcção ao aqui e agora. Entre os exemplos do seu poder de atracção vintage estão as clássicas "bossas" no capô e as admiráveis luzes traseiras horizontais. Também a grelha superior hexagonal foi buscar inspiração ao formato das entradas de ar do modelo histórico, lembrando a estrutura em forma de favo de mel da grelha desportiva do lendário 124 Spider.

 

O "Caminho dos Impressionistas": um percurso deslumbrante para ser apreciado de cabelos ao vento

A expedição continua pelo "Caminho dos Impressionistas", com fundo sonoro fornecido pela brisa primaveril que desliza ao longo do suave design do cativante Spider. Um dos pontos de destaque do percurso é a localidade de Giverny, onde se situa a casa com jardim de Claude Monet, monumento nacional desde 1976. Foi aqui que o famoso pintor Impressionista se inspirou para a sua colecção de cerca de 250 pinturas intitulada "Nenúfares". O prazer proporcionado pela soberba paisagem desta região, desfrutado em pleno com a capota aberta, completa-se com o som da música oferecido pelo perfeito sistema estéreo do 124 Spider. Tudo é controlado através do sistema de infoentretenimento que, conforme a versão, pode ser equipado com ecrã de 3" ou 7", ambos com seis altifalantes, de modo a assegurar uma envolvente experiência sonora. Para além disso, alguns dos Fiat 124 Spider utilizados na caravana dispunham do sistema de alta-fidelidade premium Bose, com 9 altifalantes, incluindo altifalantes duplos integrados nos apoios de cabeça de ambos os lugares e um potente subwoofer para realçar os sons graves.
A viagem dos Fiat 124 Spider continua ao longo do Sena em direcção a Les Andelys, prosseguindo depois pela auto-estrada até Honfleur, famosa cidade da Normandia. O percurso deu ao 124 spider a oportunidade de experimentar uma divertida série de curvas e estradas estreitas, realçando o seu grande dinamismo, a tracção traseira, o peso extremamente bem distribuído e o baixo centro de gravidade. Os viajantes também apreciaram a extremamente agradável experiência de condução e o controlo total da viatura, nomeadamente graças ao peso reduzido, à direcção reactiva e ao sofisticado sistema de suspensões (em quadrilátero à frente e multilink atrás).
E assim se chegou a Honfleur, famosa pela sua pitoresca marina, caracterizada por casas com fachadas revestidas de ardósia e imortalizadas por inúmeros artistas, como Gustave Courbet, Eugène Boudin, Claude Monet e Johan Jongkind, líderes da escola de Honfleur que ajudou a desenvolver e consolidar o movimento Impressionista. Para além disso, a igreja de Santa Catarina, com o campanário separado do edifício principal, é a maior igreja de França construída de madeira. O tecto parece o casco invertido de um navio, em memória da vocação marítima intrínseca dos habitantes da região. Aqui, onde as mãos do tempo parecem ter parado, os Fiat 124 Spider foram muito bem recebidos pelos habitantes, particularmente entusiasmados com o encanto do 124 Spider Europa. Esta especial edição limitada caracteriza-se pelo equipamento inovador, pela placa comemorativa numerada no interior e pelo emblema 124 na grelha frontal.

 

A elegante e cosmopolita cidade de Deauville recebe o Fiat 124 Spider como uma estrela

Depois de partir da esplêndida cidade de Honfleur, a expedição segue em direcção a Deauville, a elegante localidade balnear frequentada por nobres e intelectuais até à segunda metade do século IXX. As equipas eram acompanhadas pelo aveludado som proporcionado pelo motor que se escondia sob o capô: o fiável 4 cilindros 1.4 MultiAir turbo, que debita 140 cv e 240 Nm de binário máximo, disponível instantaneamente a 2250 rotações por minuto.
E assim, depois de percorridos 235 quilómetros e de apreciados os aromas e as paisagens desta maravilhosa região de França, os Fiat 124 Spider chegam ao destino: Deauville. Com as suas exclusivas boutiques, o seu casino, frequentado por inúmeras celebridades e local de realização do Festival de Cinema Americano, todos os anos, no princípio de Setembro, atrai hordas de fãs de cinema de toda a Europa. A chique cidade francesa, localizada no departamento de Calvados, na Baixa Normandia, é ainda famosa pelo papel representado na novela de Marcel Proust, "Em Busca do Tempo Perdido".
Foi aqui, na pérola da Côte Fleurie que, em 1913, a famosa estilista Coco Chanel abriu um ateliê entre o Gran Casinò e o hotel mais luxuoso do local, o Hotel Normandie, que alojava as celebridades da época. Consta que foi precisamente em Deauville que Chanel, ao observar os marinheiros a trabalhar, se inspirou para reinterpretar o seu vestuário, criando camisolas com a mesma gola. O Fiat 124 Spider também ostenta um estilo que recorda a glória de tempos passados, como o formato dos guarda-lamas traseiros, cuja parte superior, fluindo em direcção à bagageira, proporciona à viatura a característica silhueta de cauda de andorinha.
Verdadeira diva entre os descapotáveis, o Fiat 124 Spider foi fotografado na zona da praia da pequena cidade francesa, uma das mais belas da Normandia, com os seus coloridos chapéus-de-sol e a "Promenade des Planches", famoso passeio feito de madeira e com cabinas dedicadas a estrelas do cinema americano. Foi também em Deauville que, em 1966, Claude Lelouch rodou o filme "Um Homem e uma Mulher", vencedor da Palma de Ouro na 19.ª edição do Festival de Cannes e, no ano seguinte, de um Óscar nos Estados Unidos como Melhor Filme em Língua Estrangeira.
A expedição dos Fiat 124 Spider termina não muito longe de Deauville, mais precisamente no castelo de Breuil, um dos mais admiráveis exemplos da herança arquitectónica da região. Reconhecido como monumento de interesse histórico, ergue-se orgulhosamente no centro de um parque de árvores ultra-seculares. Actualmente aloja uma das mais famosas destilarias de Calvados, característica aguardente local de maçã. Fundada em 1954, produz cerca de 400.000 garrafas daquela bebida, distribuídas em mais de 50 países. Esta é a última paragem nesta viagem por terras francesas a bordo do encantador 124 Spider, cujo evoluído design encarna na perfeição a tradicional beleza do seu antecessor de 1966, sem nunca trair a sua essência.

 

 

últimos vídeos

pesquisa avançada

Procurar...

De
Para
Procurar

Imagens


Download

Imagens relacionadas


Anexação de Ficheiros


Links